Informações Gerais e Linhas de Pesquisa

Com área de concentração em SUBJETIVIDADE, COGNIÇÃO E PRÁTICAS CLÍNICAS, o Programa de Pós-graduação em Psicologia do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro visa qualificar profissionais graduados para exercer magistério e pesquisa em Psicologia em nível superior. Atualmente conta com uma equipe de 17 professores distribuídos em 3 linhas de pesquisas dentro de um amplo espectro de áreas e tendências que buscam no âmbito de 5 núcleos de pesquisa conjugar em nível de excelência a pesquisa e a extensão. Os núcleos e laboratórios têm a finalidade de estabelecer uma plataforma institucional facilitando contatos e intercâmbios com outros pesquisadores nestas áreas, nacional e internacionalmente.

 

Para conhecer os projetos dos professores, sugiro consultar o currículo LATTES – PROJETO através do site http://lattes.cnpq.br/


 Cognição e Subjetividade

O propósito desta linha de pesquisa está na investigação da cognição baseando-se em modelos teóricos originados no campo das ciências cognitivas. O tema da cognição é articulado com o da subjetividade examinando questões contemporâneas como o acoplamento com as tecnologias, a experiência com a arte e os aspectos epistemológicos, éticos, estéticos e políticos da cognição. Estratégias clínicas que vêm sendo desenvolvidas na atualidade são objetos de pesquisa em estudos sobre efetividade das intervenções clínicas, psicologia da saúde e parâmetros psicobiológicos nas neurociências. Em psicologia do desenvolvimento, a dinâmica da produção de conhecimento é investigada na aprendizagem da língua escrita e dos conceitos matemáticos, que constituem conhecimentos dos quais o sujeito se apropria para representar e compreender a si mesmo e o mundo que o cerca.

 Bruno Figueiredo Damásio, Doutor em Psicologia, UFRGS

 Jane Correa, D. Phil. em Psicologia, Universidade de Oxford

 Lucia Novaes, Doutora em Ciências, UERJ

 Marcos Aguiar de Souza – Doutor em Psicologia, UFRJ

 Rodolfo Ribas, Doutor em Psicologia Social, UERJ

 Virginia Kastrup, Doutora em Psicologia, PUC-SP


 Processos Psicossociais Históricos e Coletivos

Esta linha de pesquisa tem por objetivos o estudo dos processos psicossociais e coletivos a partir das perspectivas teóricas e metodológicas da Psicologia Social e de sua abordagem histórica. Ela abrange os domínios das representações sociais, dos grupos psicossociais, da história da Psicologia Social e da formação histórica e coletiva da subjetividade.

 Arthur A. Leal Ferreira, Doutor em Psicologia Social, PUC-SP

 Fernando José Gastal de Castro, Doutor em Psicologia, UFSC

 Francisco Teixeira Portugal, Doutor em Psicologia, PUC-Rio

 João Batista de Oliveira Ferreira, Doutor em Psicologia do Trabalho Organizacional – UnB

 Mônica Botelho Alvim, Doutora em Psicologia, UnB

 Pedro Paulo G. de Bicalho, Doutor em Psicologia, UFRJ

 Rosa Pedro, Doutora em Comunicação UFRJ-ECO


Subjetividade, Cultura e Práticas Clínicas

A linha de pesquisa Subjetividade, cultura e práticas clínicas tem como foco pesquisas voltadas para o estudo da subjetividade entendida como um processo de construção a partir das condições presentes no âmbito de uma configuração sociocultural determinada. Do ponto de vista das investigações, subjetividade e cultura são consideradas dimensões de análise distintas, mas inequivocamente inter-relacionadas, o que permite uma ênfase diferenciada na problematização, seja da constituição do campo subjetivo, seja da produção da cultura.

Claudia Henchel de Lima – Doutor em Psicologia, UFRJ

Cristiana Carneiro, Doutora em Psicologia, UFRJ 

Hebe Signorini Gonçalves, Doutor em Psicologia, PUC-Rio

Lucia Rabello de Castro, Ph. D. em Psicologia, Universidade de Londres 

Vera Lopes Besset, Doutora em Psicologia, Universidade Paris V

Lucia Rabello de Castro, Ph. em Psicologia